As mulheres e o empreendedorismo

Em um estudo realizado em 2018, foi apontado um perfil da mulher empreendedora no Brasil, em média, elas têm 39 anos, curso superior, são casadas e têm filhos.
A primeira grande mulherer empreendedora foi Madam C. J. Walker, conhecida por fundar a Madam C. J. Walther Manufacturing Company.
Com sua linha de cosméticos e produtos para cabelos de mulheres negras, se tornou milionária.
Sua propriedade em Nova York serviu de local para encontros sociais badaladíssimos da mais alta sociedade novayorquina afro-americana.
Entre 2002 e 2012, o número de mulheres que possuem sua própria empresa aumentou 18% e em dez anos o número de chefes de família aumentou 70%.
Temos muitos exemplos de mulheres fantásticas para nos inspirar!
Na moda, Gabriellle Chanel deixou sua marca, Côco, como gostava de ser chamada, criou uma das grifes mais luxuosas do mundo, se tornando personagem importante do século XIX,ela ditou tendência e marcou história.
No Brasil, Luiza Helena Trajano revolucionou, construindo um império de um dos maiores varejistas do Brasil, o Magazine Luiza.
Barbe-Nicole Clicquot atuou no século XIX, passando a entender mais sobre vinhos, após a morte de seu marido. Ela teve de aprender também a comandar a empresa, Barbe fez com que a Veuve Clicquot fosse reconhecida como uma das melhores marcas do planeta.
Nos dias de hoje, as mulheres precisam conciliar o trabalho com as tarefas do dia a dia e os cuidados com a família.
Existe ainda uma visão ultrapassada de que as mulheres não possuem pulso firme , ou, que não sejam capazes de comandar uma empresa. Em um ambiente masculino, a mulher chega trazendo novas idéias e oportunidades a serem exploradas, mas o salário ainda não é compatível.
O empreendedorismo feminino pode ser desafiador, porém muito vantajoso e possível.
A qualificação é indispensável, buscar novas idéias e se manter em dia com o mercado, além de procurar cursos e especializações e usar relatórios gerenciais e contábeis.
Manter a perseverança também é fundamental, pois empecilhos aparecerão pelo caminho.
Contar com profissionais capacitados como um bom contador também é uma ótima dica!
É preciso ter uma boa idéia e comprometer -se com ela.
Criar um bom produto e enfim vencer a burocracia!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *